Níquel Químico

Níquel Químico

PROTEÇÃO CONTRA CORROSÃO E DESGASTE COM MUITO MAIS QUALIDADE

Também conhecido como níquel autocatalítico pelo fato da deposição ocorrer sem a necessidade de corrente elétrica, como ocorre com a maioria dos processos galvânicos, o níquel químico é um tipo de revestimento especial onde os fatores determinantes para que ocorra a deposição do metal são: Concentração dos íons níquel na solução, agente redutor, PH, temperatura, entre outros aditivos.

A vantagem do níquel químico em relação aos processos eletrolíticos é a uniformidade da camada depositada; mesmo em peças com geometrias complexas as camadas permanecem totalmente uniforme copiando a forma e a rugosidade da superfície.

A camada depositada consiste em uma liga de níquel-fósforo onde a porcentagem de fósforo pode variar de acordo com o processo utilizado, gerando revestimentos com diferentes características técnicas.

TIPOS DE NÍQUEL QUÍMICO E PROPRIEDADES

CTA - alto teor de fósforo ( 10 a 13 % )

Este processo oferece alto nível de resistência à corrosão em ambientes agressivos, por esta razão é amplamente utilizado em equipamentos para indústria de petróleo e gás. Além da excelente proteção a corrosão, proporciona a redução do atrito quando submetido ao funcionamento em contato com outros materiais. Possui dureza mínima de 45 hrc ( 450 HV ) podendo ser aumentada até 65 hrc ( 840 HV ) com tratamento térmico específico após a deposição.

CTM - médio teor de fósforo ( 5 a 10 % )

O processo CTM possui resistência à corrosão moderada, e é indicado para peças onde se requer maior resistência à abrasão sem abrir mão de uma boa proteção à corrosão. Sua dureza mínima é de 50 hrc ( 520 HV ) podendo ser aumentada até 68 hrc ( 940 HV ) com tratamento térmico específico após a deposição.

CTB - baixo teor de fósforo ( 2 a 5 % )

Este revestimento possui dureza mínima de 60 hrc ( 700 HV ) podendo ser aumentada até 70 hrc ( 1000 HV ) se submetida a tratamento térmico específico após a deposição, sua resistência à corrosão se mostra mais eficiente em condições alcalinas.

ESPESSURA DA CAMADA

Aplica-se camadas com espessuras de 0,002 até 0,15mm ( 2 até 150 mícrons ).

ADERÊNCIA AO METAL BASE

30.000 a 60.000 psi, favorecendo sua aplicação nos mais variados tipos de peças, para aplicações industriais técnicas.